Highslide for Wordpress Plugin
Ano Par › 09/11/2016

Terça Feira – 32ª. Semana Comum

14993467_1119779294773961_5456425973806260861_nAmados irmãos e irmãs
“Assim também vós: quando tiverdes feito tudo o que vos mandaram, dizei: ‘Somos servos inúteis; fizemos o que devíamos fazer”.
Quantas pessoas em nossas comunidades não trabalham em busca de reconhecimento? Você com certeza já ouviu alguém dizer na sacristia: “ ninguém reconhece o que eu faço; se eu sair esta pastoral afunda; este padre nem me agradece pelo que eu faço,etc.
E o que dizer daqueles que se voltam contra Deus dizendo: fiz tanto pela Igreja e agora Deus me manda esta tribulação.
Outro detalhe importante a se destacar é que quando se diz servos inuteis não se trata de uma ofensa a cada um de nós, mas sim um elogio a Deus. Significa que Deus não precisa de nós, mas Ele quer precisar. Como Pai do céu Ele age como um pai terreno que não precisa que o filho busque o chinelo e a toalha para o banho ou tire a sua meia, mas ele permite que isto aconteça apenas para agradar o filho e é exatamente isto que Deus faz com cada um de nós.
Portanto a conclusão a que chegamos é que para servir a Deus devemos acima de tudo ser humildes.
Na comunidade devemos servir a Deus de forma desinteressadas sem esperar nada em troca, ou seja, servir apenas pelo prazer de servir. Isto é servir por amor. Vejam vocês que uma mãe que ama não amamenta seu filho por interesse ou em busca de recompensa, mas simplesmente porque o ama. Um pai que passa a noite no hospital com o filho certamente não o faz por interesse, pois sabe que nada receberá. Assim também nós como cristãos devemos buscar servir a Deus não em busca de recompensa e de benesses, aliás, como nos tem mostrado a história aqueles que decididamente servem a Deus muitas vezes encontram no martírio a sua recompensa.
“A mulher de César além de honesta deve parecer honesta”!
Esta frase antiga mostra bem o que Paulo quis dizer a Tito ao pedir sobriedade aos anciãos e as mulheres em relação ao seu comportamento.
Aqui na comunidade costumamos dizer que se uma prostituta decide abandonar esta vida e passa a ser mulher de um homem só,mas continua a usar mini saia, maquiagem carregada e a rodar bolsinha pelas esquinas, ela pode até não ser mais prostituta; mas não é o que parece…
Rezemos com o salmista: O Senhor cuida da vida dos honestos. É o Senhor quem firma os passos dos mortais e dirige o caminhar dos que lhe agradam. Senhor que façamos tudo quanto for preciso e que nada esperemos em troca; pois sabemos que os justos os justos herdarão a nova terra e nela habitarão eternamente. Amém.

Reflexão feita pelo Diácono Irmão Francisco
Fundador da Comunidade Missionária Divina Misericórdia

Leitura: Tito 2,1-8.11-14
Salmo: 37
Evangelho: Lucas 17,7-10

Imprimir

Deixe uma resposta