Highslide for Wordpress Plugin
História dos Santos › 27/06/2018

NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO

13537691_1014570418628183_1702610405279245798_nNossa Senhora do Perpétuo Socorro é um título conferido a Maria, Mãe de Jesus, representada em um ícone de estilo bizantino. Na Igreja ortodoxa é conhecida como Mãe de Deus da Paixão, ou ainda, a Virgem da Paixão.

Um ícone célebre é venerado desde 1865 em Roma, na igreja de Santo Afonso, dos redentoristas, na Via Merulana. Tendo vindo da ilha de Creta, tinha estado antes na igreja de S. Mateus, igualmente em Roma, onde tinha sido solenemente entronizado no ano de 1499.

A tipologia da Mãe de Deus da Paixão está presente no repertório da pintura bizantina desde, no mínimo, o século XII, apesar de rara. No século XV, esta composição que prefigura a paixão de Jesus, é difundida em um grande número de ícones.

Andreas Ritzos, pintor grego do século XV, realizou as mais belas pinturas neste tema. Por esta razão, muitos lhe atribuem este tipo iconográfico. Na verdade a tipologia é bizantina, e quase acadêmica a execução do rígido planejamento das vestes; mas é certamente novo o movimento oposto e assustado do menino, de cujo pé lhe cai a sandália, e ainda a comovente ternura do rosto da mãe.

O ícone é uma variante do tipo hodigítria cuja representação clássica é Maria em posição frontal, num braço ela porta Jesus que abençoa e, com o outro, o aponta para quem, olha para o quadro, aludindo no gesto à frase “é ele o caminho”.

Na representação da Virgem da Paixão, os arcanjos Gabriel e Miguel, na parte superior, de um lado e do outro de Maria, apresentam os instrumentos da paixão. Um dos arcanjos segura a cruz e o outro a lança e a cana com uma esponja na ponta ensopada de vinagre (Jo 19,29).
Ao ver estes instrumentos, o menino se assusta e agarra-se à mãe, enquanto uma sandália lhe cai do pé.

Sobre as figuras no retrato, estão algumas letras gregas. As letras “IC XC” são a abreviatura do nome “Jesus Cristo” e “MP ØY” são a abreviatura de “Mãe de Deus”. As letras que estão abaixo dos arcanjos correspondem à abreviatura de seus nomes.

A EXPLICAÇÃO DO ÍCONE DE NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO
13501799_1014569951961563_7463361215367442934_n
1 – No alto do quadro temos as letras gregas “MP ØY”, que é a abreviação de “Mãe de Deus”;
2 – Coroa. É um tributo aos muitos milagres feitos por nossa Senhora sob a advocação do “Perpétuo Socorro”;
3 – Estrela no véu da Virgem. Ela é a Estrela do Mar, que trouxe a luz da luz ao mundo em trevas, a estrela que nos conduz ao porto seguro do Céu;
4 – Acima do anjo ao lado direito de Nossa Senhora está a abreviatura de “Arcanjo S. Miguel” em grego;
5 – O Arcanjo São Miguel apresenta a lança, a vara com a esponja, e o cálice da amargura;
6 – A boca de Maria é pequenina, pois no silêncio guardava tudo em seu coração;
7 – A túnica vermelha, distintivo das virgens no tempo de Nossa Senhora. Sinal de pureza, e também da força da fé;
8 – As mãos de Jesus apoiadas na mão de Maria, significando confiança e as graças que nos dá por ela;
9 – Acima do anjo ao lado esquerdo de Nossa Senhora está a abreviatura de “Arcanjo S. Gabriel” em grego;
10 – Os olhos de Maria, grandes, voltados sempre para nós, afim de acolher-nos e ver todas as nossas necessidades;
11 – O Arcanjo São Gabriel apresenta a cruz e os cravos, instrumentos da Paixão e morte de Nosso Senhor Jesus Cristo;
12 – As letras gregas “IC XC”, que é a abreviação de “Jesus Cristo”;
13 – Ao ver os instrumentos que o Arcanjo São Gabriel lhe traz, o menino Jesus se assusta e agarra-se à mãe;
14 – A mão esquerda de Maria sustentando Jesus: a mãe do consolo que Maria estende a todos que a ela recorrem nas lutas da vida;
15 – A sandália desatada, presa por um fio. Nos desesperos da vida, assustados pelas dificuldades e medos, corremos o risco de perder-nos, mas nos resta ainda um fio, que nos liga à salvação;
16 – O manto azul de Nossa Senhora, símbolo das mães no tempo de Nossa Senhora, significando que ela é a Virgem-Mãe de Deus!

ORAÇÃO A NOSSA SENHORA DO PERPETUO SOCORRO
Ó Mãe do Perpétuo Socorro, eis a vossos pés um pobre pecador que a vós recorre e em vós põe a sua confiança. Ó Mãe de misericórdia, tende compaixão de mim! Ouço dizer que todos vos chamam o refúgio e a esperança dos pecadores; sede, pois, o meu refúgio e a minha esperança! Socorrei-me pelo amor de Jesus Cristo! Dai a mão a um infeliz pecador que a vós se recomenda e a vós se consagra como servo perpétuo. Louvo e dou graças a Deus que, pela sua misericórdia, me inspirou esta grande confiança em vós, confiança que é para mim o penhor da minha eterna salvação. Ai! Eu, miserável, tantas vezes caí no pecado, por não ter recorrido a vós. Sei que com o vosso socorro sairei vencedor; sei que me haveis de ajudar, se a vós me recomendo; mas nas ocasiões perigosas temo não vos invocar e perder assim a minha alma. Peço-vos, pois, esta graça sim, encarecidamente vos suplico, quando o demônio me assaltar, de recorrer a vós, dizendo: Maria ajudai-me! Ó Mãe do Perpétuo Socorro, não permitais que eu perca o meu Deus! Amém!

Valei-nos, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro!

Imprimir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *